sábado, 12 de setembro de 2015

PLANO DE AULA - 1º ano Ensino Médio

1. IDENTIFICAÇÃO: 
NOME DA DISCIPLINA: Língua Portuguesa
PROFESSORA: Daniela Menegassi
ESCOLA: E. E. Profª. Alice Velho Teixeira
ANO/SÉRIE/TURMA: 1º C – 08/2015
PERÍODO: 3º bimestre


2. TEMA(S): Gêneros textuais: Conversa informal, entrevista e questionário.


3. OBJETIVOS: Levar o aluno a compreender as características desses gêneros textuais.


4. JUSTIFICATIVA: É importante conhecê-los para saber como usá-los.


5. METODOLOGIA: Aula expositiva e interativa com explicações, bate-papo, participação dos alunos e suas opiniões.


6. RECURSOS DIDÁTICOS: Textos retirados de uma pesquisa na internet.


7. AVALIAÇÃO: 
- Debate (conversa informal) em sala de aula para nota com valor de 1,5 pontos. A avaliação será individual, pois todos deverão expressar suas opiniões sobre o tema: “Você concorda que a internet e as redes sociais interferem no aprendizado da Língua Portuguesa? Justifique”. Pontos a serem avaliados: Defesa de opiniões com respeito. Saber ouvir. Saber a hora certa de falar e como falar. Respeitar as opiniões alheias. Comportamento e participação.

- Atividade para casa valendo 2,0 pontos: dividir-se em grupos para criarem uma entrevista. Dois membros do grupo serão os entrevistadores e os outros os entrevistados. Pesquisar e escolher um tema atual para montar a entrevista que será apresentada em sala de aula.


8. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:
http://www.infoescola.com/literatura/generos-textuais/
http://www.brasilescola.com/redacao/um-genero-textual-cotidiano-jornalistico.htm


GÊNEROS TEXTUAIS 
           
Diferente do Gênero Literário, o Gênero Textual é o nome que se dá às diferentes formas de linguagem empregadas nos textos que podem ser mais formais ou informais.
Os gêneros literários são textos classificados segundo a sua forma: gênero lírico (poemas cantados), épico (apresentam heróis), dramático (tragédia, comédia e farsa) e narrativo (romance, novela, conto, crônica e fábula).
Os textos, orais ou escritos, que produzimos para nos comunicar, possuem um conjunto de características que determinarão seu gênero textual como: o assunto, quem está falando, para quem está falando, sua finalidade, ou se o texto é mais narrativo, instrucional, argumentativo, etc.

Vejamos alguns exemplos escritos:
Carta;
Romance;
Artigo de opinião;
Conto;
Fábula;
Lenda;
Narrativa de ficção científica;
Receita;
Diário;
Autobiografia;
Curriculum vitae;
Biografia;
Carta de leitor;
Carta de solicitação;
Editorial;
Resenhas críticas;
Relatório científico;
Regulamento;
Textos prescritivos.

Vejamos alguns exemplos orais:
Propaganda;
Notícia;
Piada;
Relato de viagem;
Relato histórico;
Ensaio;
Seminário;
Conferência;
Debate;
Aula;
Palestra;
Entrevista/Reportagem.
Questionário.

ENTREVISTA: COTIDIANO JORNALÍSTICO

          A entrevista é essencialmente oral e requer uma postura adequada que não permite uso de gírias, chavões e de uma linguagem informal.
O entrevistador precisa dominar o assunto em pauta, de modo a evitar algumas falhas indesejáveis e deverá manter-se totalmente imparcial, com o objetivo de promover a credibilidade.
A entrevista compõe-se dos seguintes elementos:

#Manchete ou título – Deverá despertar interesse no entrevistado envolvido, podendo ser uma frase criativa ou pergunta interessante.

# Apresentação – Pontos de maior relevância da entrevista, perfil do entrevistado, sua experiência profissional e domínio em relação ao assunto abordado.

# Perguntas e respostas - A entrevista propriamente dita, na qual são retratadas as falas de cada um dos envolvidos.

Fontes de Pesquisas:
http://www.infoescola.com/literatura/generos-textuais/
http://www.brasilescola.com/redacao/um-genero-textual-cotidiano-jornalistico.htm

Um comentário:

  1. Olá, Daniela. Sou aluna de letras port/ingles, tenho que fazer uma proposta de aula sobre a literatura no ensino médio com o genero dramatico ( teatro) e como posso usar o livro de Edipo Rei de Sófocles, junto de Shakeape ( sonho de uma noite de verao) para o PCC; PRÁTICA COMO COMPONENTE CURRICULAR. Até agora nao tive ideia de nada, será que voce tem alguma?

    ResponderExcluir